25 maio 2013

Vesak 2013

Neste ano de 2013, celebra-se hoje, 25 de maio, o dia do Budismo que corresponde à lua cheia do mês de Vesak do calendário lunar indiano e que celebra mais um aniversário do nascimento, iluminação e falecimento de Buda, um professor espiritual inigualável, fundador da tradição espiritual conhecida por Budismo e que legou à humanidade um cristalino ensinamento (Dhamma) aberto e lúcido, simples mas profundo, que combina ética pura com rigor lógico, visão superior com fidelidade aos factos da experiência vivida.
 
HOMENAGEM A BUDA 
"Buda, cujo nome pessoal era Siddhattha (Siddharta, em Sânscrito) e cujo nome de família era Gotama (em Sânscrito, Gautama), viveu no norte da Índia, no séc. VI antes de Cristo. Seu pai, Suddhodana, era o governante do reino dos Sakyas, no atual Nepal. Sua mãe era a rainha Maya. De acordo com os costumes da época, ele foi casado muito novo, com a idade de dezasseis anos, com uma linda e dedicada jovem princesa chamada Yasodhara. O jovem príncipe viveu no seu palácio com todo o luxo à sua disposição. Contudo, subitamente confrontado com a realidade da vida e com o sofrimento da humanidade, decidiu procurar a solução -- o escape para o sofrimento universal. Assim, com a idade de 29 anos e logo após o nascimento do seu filho único, Rahula, deixou o reino e tornou-se um asceta, em busca daquele desiderato.
Durante seis anos, o asceta Gotama percorreu o vale do rio Ganges, encontrou-se com famosos professores religiosos, estudou e seguiu os seus sistemas e métodos, submetendo-se a rigorosas práticas ascéticas. Porém, não tendo ficado satisfeito com essas práticas, decidiu abandonar todas as religiões tradicionais e respetivos métodos, para seguir o seu próprio caminho. Foi então que uma noite, sentado em meditação debaixo de uma árvore (desde então conhecida como Bodhi ou Bo, a "Árvore da Sabedoria") na margem do rio Neranjara em Buddha-Gaya (próximo de Gaya, no Bihar moderno) e com a idade de 35 anos, Gotama alcançou a Iluminação, após o que passou a ser conhecido como Buda, o Iluminado.
Após a Iluminação, Gotama -- o Buda -- proferiu o seu primeiro sermão a cinco ascetas, seus antigos companheiros no Parque das Gazelas em Isapatana (a moderna Sarnath), próximo de Benares. Desde então e durante 45 anos ensinou todas as classes de homens e mulheres -- reis e camponeses, Brâmanes e proscritos da sociedade, banqueiros e pedintes, homens santos e ladrões -- sem fazer a menor distinção entre eles. Não reconheceu diferenças baseadas em castas ou em grupos sociais, e o Caminho que pregou estava aberto a todos os homens e mulheres que estivessem preparados para o compreender e seguir.
Com a idade de 80 anos, Buda veio a falecer em Kusinara (no moderno Uttar Pradesh, Índia).
Hoje o Budismo encontra-se no Sri Lanka, em Myanmar, na Tailândia, no Camboja, no Laos, no Vietnam, no Tibete, na China, no Japão, na Mongólia, na Coreia, em Taiwan, em algumas partes da Índia, do Paquistão, do Nepal e também da Rússia. A população budista mundial ultrapassa 500 milhões."
(citação do livro "O Ensinamento de Buda" de Walpola Rahula, Editorial Estampa)